terça-feira, 28 de agosto de 2012

Universos paralelos, uma divisão entre dois mundos



Há muita dificuldade entre nós em entender certos conceitos, significados das palavras, por isso nos desentendemos facilmente. E brilhantemente a amiga Ravena expõe essa idéia clara como água pura e cristalina em seu último texto.
Palavra é um símbolo gráfico. Foi nos dada a palavra para suprirmos a telepatia. Como não nos ensinaram a nos comunicar por telepatia, fizemos mais uso da palavra e ensinamos isso a cada geração, independente da nossa localização geográfica.
Você sabia que quando usamos a fala acionamos o H. esquerdo do cérebro? Essa é a região responsável pelo uso de símbolos. 

Os ideogramas são entendidos tanto pelos Japoneses quanto pelos Chineses, apesar deles não se entenderem quanto a pronuncia e o som. O que isso lhe diz?
Um não entende o outro, mas usam os mesmos símbolos? O mais interessante ainda é que ao le-los, ambas as áreas correspondentes dos Hemisférios cerebrais – o esquerdo e o direito - são acionados. 

Mas e daí? Daí que estamos presos a conceito, significados, sentimentos internos que damos a cada “símbolo”!
O professor de física teórica na Universidade de Nova York - Michio Kaku,  escreveu um livro chamado "Mundos paralelos”
Ele nos dá uma percepção nova quanto ao entendimento de certas palavras e a diferença entre um mundo e um planeta que precisa ser exclarecido.
Um mundo é a soma total de todas as situações espirituais em um planeta, que determina como será a vida. A energia predominante que exercerá movimento, ação e tipo de matéria.
Um planeta é a base física para esses diversos mundos. A “caixinha de Pandora”. O plano material, onde as diversas vidas são vividas em seus respectivos planos. Um planeta pode ter vários mundos em anexo trabalhando no mesmo espaço físico.
Já sabemos que a energia eletromagnética permeia tudo: desde a localização de corpos cósmicos - órbitas - a regulação das funções importantes do nosso corpo. Somos pura energia. Certo?
Os “Mundos” anexados a um planeta específico são chamados de mundos paralelos. 

Cada mundo tem sua própria evolução biológica e geológica, organizada e moldada de acordo com sua respectiva situação espiritual.
Entenda que uma “mudança de mundos” significa que um mundo desmaterializa e outra se materializa na superfície de um planeta. 

Os Maias nos avisaram que estaríamos entrando no 5º Sol. Daríamos início a um novo ciclo – mas de um “mundo novo”. Daí a idéia errada de que o “planeta” vai acabar...
Essa mudança ocorre quando o campo eletromagnético de um planeta vive uma grande mudança devido a um impacto que interrompe esse campo eletromagnético. 

Estamos carecas de saber que sem freqüência de energia, vibração, não há matéria.
A órbita de um planeta é determinada pela sua carga eletromagnética. Havendo uma interferência que quebre essa dinâmica eletromagnética, há então o colapso entre esses mundos paralelos. Eles se misturam. A parede invisível que os separava desmonta.
Quando esta carga muda o planeta dá um salto de órbita e uma mudança de mundos ocorre. Há então aqui o que chamamos de um salto quântico! O que é perfeitamente explicado pela teoria das cordas na Física quântica.
Assim que o planeta se restabelece imediatamente dessa interrupção e volta a sua configuração, não há “um tempo”. Acredito que seja o momento em que a expressão usada pelos Maias de “tempo do não tempo” faz sentido.
Quando ocorrer esse restabelecimento da rotação após 3 dias (relatos de textos antigos dão essa certeza) é atribuída ao planeta uma nova órbita ou uma nova freqüência vibratória.
Esse momento é perfeitamente igual ao movimento dos elétrons quando saltam órbitas ao receber ou emitem fótons. “Assim na terra como no céu”, lembra? Tanto no Macrocosmo, quanto no Microcosmo.
Acredita-se que cada órbita
corresponde a um mundo diferente.
O melhor exemplo de uma mudança de mundos está nos estudos sobre a “extinção” ou desaparecimento dos dinossauros cerca de 67 milhões de anos atrás. Há teorias que um corpo estranho vindo da galáxia abalou a geografia e atmosfera do planeta Terra, o que poderia justificar o “sumiço” de todos os Dinossauros.
Cientistas estão confusos e não se entendem quanto ao tempo regular que isso se deu, pois pelas evidencias de fósseis encontrados todos esses anos de inúmeras espécies jurássicas, mostraram que esses seres já estavam mortos quando o abalo no planeta se deu!
Fica a pergunta. Se eles foram mortos pelas dificuldades da existência no ambiente, então onde estão seus restos? O que se tem são fosseis de animais mortos ANTES do cataclismo. Onde estão os restos dos que morreram pós evento?
A alegação de que o planeta virou uma tocha gigante queimando esses fósseis de dinossauros deixando-os em cinzas não colou para a grande maioria dos pesquisadores. Outra teoria que também foi refutada diz que a acidez do planeta se tornou tão alta que todos os fósseis de dinossauros haviam sido dissolvidos.
Para onde foram todos!?
Não é estranho pensar onde estão os restos mortais dos povos da Lemuria de Atlântida, dos Maias e outros? Onde estão esses seres? Foram abduzidos? Não há restos desses indivíduos a não ser os que faleceram ANTES dos eventos catastróficos que marcaram significadamente as mudanças de eras a cada 11 mil anos.
Cerca de 26 mil anos atrás os Neandertais desapareceram do registro fóssil. Não há indicações que expliquem onde estão seus restos – os  Neandertais simplesmente desapareceram de repente, nem fósseis com idade inferior a 26 mil anos foram encontrados.
Se um movimento muito forte fez parar o campo magnético do Planeta Terra, poderemos entender que a órbita foi mudada, ou seja, o campo magnético mudou causando a desmaterialização do mundo dos dinossauros e outros... Bizarro isso, não?
Hoje já sabemos que a cada 26.000 anos, este planeta se alinha com o sol e o centro da nossa galáxia Via Láctea e o antigo calendário Maia prevê que este evento trará o fim do 5º mundo. Isso faz algum sentido para você?
Agora vem o pensamento que lhe dará o “click” para muitas mensagens que estamos recebendo nos últimos dias e que de agora em diante você terá responsabilidade sobre o que pensar a respeito. Preste atenção aos símbolos.
Quando um planeta recebe energia através de um impacto podendo advir de um golpe cósmico ou na liberação de energia de uma grande erupção vulcânica no campo eletromagnético... ele se rompe e desmaterializa o planeta em sua localização atual
Isso faz com que o mundo atual desapareça em um reino de pura energia apenas como um programa salvo em um disco de um computador. 

Esse novo mundo poderá ser um mundo anteriormente presente no planeta, ou... um mundo que não tenha experimentado uma evolução ainda e, portanto, começa a partir do início
Esse processo é aleatório e dependerá da quantidade de energia eletromagnética que um planeta tem quando chegar a sua nova localização.


O universo é essencialmente uma estrutura espiritual
Portanto, uma mudança de mundos, ou um salto quântico de energia, pode ser programado para trazer um resultado específico. A ferramenta para isso é a consciência de massa e contagem de números. 
E números é um trabalho desenvolvido pelo amigo Rodrigo Morais. Tô fora! Sou limitada para isso. Aprenda com ele, pois tem muitas explicações que irão nos ajudar nessa jornada. Ravena e eu podemos ajudar na conscientização e interpretação dos símbolos.
Essa nova programação prevalecerá o conceito de um novo mundo onde o conceito de PAZ e AMOR seja compreendido por um maior número de pessoas que acreditam e buscam esses pensamentos para um mundo novinho em folha.
Mas há outra possibilidade, caso as mudanças 
fujam das palavras proféticas dos antigos textos...
Se alguém produzir uma grande explosão suficiente o bastante para fazer com que o campo eletromagnético de um planeta quebre, então o novo mundo a seguir será de sua propriedade...
Essa explosão pode ser alcançada com a deflagração de um grande vulcão. Uma explosão correspondente a bombas nucleares em grande número ou até mesmo a má utilização do LHC pode fazê-lo.
Tendo em conta os eventos anteriores, é evidente que as principais armas nessa guerra pela posse do planeta são a utilização da religião e a política para detonar a tal bomba nuclear.
A mensagem que quero deixar é que tenham compreensão sobre o que estamos para enfrentar. Não temos que fugir do planeta ou nos esconder em buracos ou nos desesperarmos. Apenas entenda que esse Planeta é nossa casa onde estão nossas energias anteriores, toda nossa informação de quem somos nós.
Estamos aprisionados é fato, mas com os dias contados. As portas serão abertas e você terá que saber o que fazer, e entrar em pânico ou chamar Jesus não vai ajudar muito nessa hora...
As revelações sobre os OVNIS e ETs fazem parte dos planos, da Agenda dos negativos, pois sabem que a Terra está vibrando de maneira diferente e as paredes dimensionais podem cair a qualquer momento e eles serão visíveis. Todos serão visíveis!  Eles temem que isso derrube seus planos antes da fuga em massa.
Você verá todos que faleceram, todos que não estão mais nessa dimensão, nesse mundo que é paralelo ao deles. Por isso será muito importante você se manter firme no seu conhecimento, na sua informação para quando esse momento chegar, pois haverá outros mundos a conhecer e você precisará caminhar em frente mesmo que eles lhe peçam para ficar...
Cada um tem um grau de aprendizado, de evolução e isso nos separa, mas não de forma físicajamais, isso não existirá – apenas no que tange a continuação de sua missão.
Veja que se você resolver abandonar seu planeta em uma nave espacial estará fadado a voltar ao mesmo mundo, mesquinho, desigual e de sacrifícios em troca de sua energia.
Para que você entenda melhor, será como você resolver sair de casa aos 15 anos e viajar pelo mundo por anos e querer voltar para a velha casa de seus pais imaginando encontrar todos da mesma maneira... Você sabe que não é assim que as coisas funcionam. Sua percepção da vida mudou, seu mundo mudou e por mais que você ame seus pais, nada será como antes após sua saída.
É sobre isso que quero que você perceba, sinta. Temos que mudar. O universo muda – nada fica intocável. Tudo vibra e se modifica e vamos nos transformar em seres melhores, mais saudáveis, mais verdadeiras, mas habilidosas com nossas energias.
Temer o que? Se você só vê desgraça ao invés de informação, é necessário se empenhar mais nos estudos. Sua visão está limitada por uma crença de inexistência e de baixa estima. Agradeça por estar aqui nesse momento. Agradeça por querer o que ainda irá saber. Cada segundo nessa dimensão é importante para que você aprenda mais e mais e mais sobre você, seu planeta e os mundos paralelos...
Laura botelho

Nenhum comentário:

Postar um comentário