sábado, 29 de setembro de 2012

Descubra quem é seu verdadeiro adversario nesta vida!

grupomatermistico | Descubra quem é seu verdadeiro adversario nesta vida!



Os primeiros adversários que reconhecemos em nossas vidas, pasmem, são nosso pais. Por longos anos, décadas, o ser humano busca ajuda ou apoio terapêutico para tentar solucionar seus "traumas". Sem necessidade de maiores dados estatísticos, podemos afirmar que grande parte do repertório que discorremos nessas sessões de cura, versam sobre como foi nossa infância, adolescência e o relacionamento com mães, pais ou ambos.
Num nível consciente, culpamo-os ou até acusamos por muitas infelicidades, quase como se eles fossem nossos inimigos.

Recentemente, o avanço de pesquisas em ciências comportamentais e neurocientistas interessados em "ver além da matéria" têm demonstrado interesse em pesquisar genética e comportamentos. Ou seja, hoje já sabemos que não "carregamos" apenas o biótipo físico de nossos ancestrais, mas também alguns comportamentos e funcionamentos, que tornam muitas vezes a nossa vida muito semelhante ao nosso histórico ancestral.
Partindo daí, inferimos que alguém em nossa trilha geracional, pode ter o poder de influenciar ou inibir nossos sentimentos e comportamentos, por meio de uma conexão genética. Quando estas influências nos causam dor ou stress, podemos dizer que são "Adversários Genéticos", transferindo informações ao nosso circuito emocional, que se tornam atitudes e comportamentos de negação do funcionamento ou características de nossa personalidade.

Obviamente, que isso não significa que houve alguma intenção de qualquer antepassado em nos coibir a felicidade! Significa que temos um registro sobre determinadas situações, crenças vivenciadas por alguém da nossa trilha geracional e provoca em nós uma inibição ou negação de aspectos, em geral, mais complexos de nossa personalidade.
Essa informação atuando em nosso circuito poderá evocar autodúvida, autonegação, já que as possibilidades vivenciadas hoje, compõem um cenário provavelmente bastante diverso do que o parente genético vivenciou.

É importante sempre atualizarmos as informações que constantemente fluem em nossa mente e refletem-se em nossos corpos, principalmente, em situações de estresse, que é quando mais instintivamente agimos e todos os registros do passado, semelhantes sobre a situação, emergem, muitas vezes, impulsionando-nos a comportamentos genéticos e automáticos.

Na verdade, nossos ancestrais, através de nosso DNA, estão apenas "tentando" nos ajudar, ao nos informar sobre perigos e situações de riscos, que eles vivenciaram e que poderão estar acontecendo conosco agora.
Mas, como sabemos que cada vida é única, com seu propósito e lições, nem sempre essas informações nos auxiliem e por vezes até complicam nossas decisões.
Mas, é tão natural agir conforme nossa genética informa! Veja, por exemplo, situações em que pessoas se casam com pessoas muito semelhantes aos pais ou mães. Histórias de vida que se repetem: desiluções, conflitos, problemas financeiros, doenças.

A Cinesiologia nos auxilia a identificar se no seu circuito há um Adversário, Ancestral, que esteja interferindo em situações conflitantes ou que contenham problemas de difícil solução.
Após uma desativação do funcionamento desse Adversário, você poderá sentir-se em equilíbrio novamente e da mesma forma harmonizar-se com esse Ancestral, através das correções que o seu corpo solicitar na sessão de Cinesiologia.
Honremos nossos antepassados! Eles nos possibilitaram a vida! Da forma que foi possível, dentro das condições físicas, emocionais e espirituais...

Torne o encontro com seu Adversário Genético, um verdadeiro momento de gratidão e sinta-se livre para tomar decisões livre de um passado doloroso!
Tenhamos todos uma semana de paz e alegrias, praticando preces de gratidão a todos os nossos Ancestrais!



Márcia Dario

Nenhum comentário:

Postar um comentário