domingo, 17 de novembro de 2013

Os Três Tipos de Seres Humanos



Nós conhecemos três tipos somente de seres humanos e vamos falar sobre eles, através do símbolo acima, que divide a Terra por três, onde uma de suas aberturas aponta para o Alto.
Os três tipos são os seguintes: o de número um são nossos irmãos, nossos aliados, estarão muito perto de nós, nos nossos objetivos. Por estarem muito perto de nós, cuidaremos deles com todos os cuidados, primeiro conosco. Muito perto, sabiamente, pode ser harmonioso ou perigoso. Precisam de nós. Precisaremos deles.
A outra parte, a de número dois, são os duvidosos, que não sabem o que decidir. Aqueles que num ditado popular ficam em cima do muro. Sabem que o muro pode cair, não sabem ainda para que lado devem ficar. Com todos os cuidados, cuidaremos deles, cuidando de nós. Precisam de nós, precisamos deles.
A parte de número três são aqueles que estão do outro lado, no lado esquerdo da Terra, por um terço negativo. Sabemos, são os nossos inimigos. Falarão contra nós, erguerão bandeiras ilusórias. Eles estão em vários poderes que a Terra possui. São grandes personagens. No meio deles, infiltrados, estarão os nossos. Cuidaremos de todos, por amor, e não tão simplesmente com amor. Eles precisam de nós, nós precisamos deles. Eles são a prova final, mostrarão a todos os outros, os sete véus escondidos. Não podendo mais resistir, eles mesmos rasgarão estes véus. São os que menos nos darão trabalho e ainda servirão para provar aos outros, provando a eles mesmos, que têm que mudar. A mudança total. Eles mesmos o farão, pois a sabedoria maior nos ensina que TODO PODER VEM DO ALTO e nunca de poderes da Terra.
Na verdade, todos são Filhos de Deus, todos são nossos irmãos, nós é que temos que saber ser irmão de verdade, SEM TOCAR, SEM SER TOCADO. Não devemos tocar ao que pertence ao outro. A PERFEIÇÃO DEVE SER INTOCÁVEL. Não devemos prejudicar nossos semelhantes com atitudes e palavras inadequadas que ferem a alma. Devemos, todos juntos, sermos humanos, no verdadeiro sentido da palavra, para que voltemos à Casa do Pai, o mundo solar, de luz, claridade e sabedoria estelar.
Em todos os tempos, desde que a epopéia humana teve início, na longa história da civilização terrestre, estes três tipos sempre estiveram aqui. No passado estiveram e o passado não há de se repetir. Ninguém nunca mais pregará um Cristo na cruz. A sua palavra final ainda ressoa sobre a Terra. Olhando da cruz para o Alto, olhando para a Terra da cruz, disse: “Pai, perdoai-os, eles não sabem o que fazem!”.
Se alguns, não sabem o que fazem, fica evidente que outros têm que fazer com sabedoria. Aqueles que agem sem consciência, podem continuar realizando suas ações insensatas, até chegar a hora de não saberem mais o que fazer. Como a Torre de Babel, confundirão suas línguas, não serão mais escutadas pela humanidade. A Terra já se faz por duas partes maiores positivas, por Amor à Vida, por Amor à Deus. Deixará de lado os que querem morrer. E como não morrem, não poderão se matar como fez Judas por trinta moedas. Não haverá mais Judas, o ser humano terá que viver e cooperar no progresso da vida no planeta, pois a Terra evoluí, assim como seus seres. Assim como estão os mundos, estão os seus seres. Assim como está a Terra, estão os seres humanos.
O Pai que é sábio, sabe cuidar de todos os filhos. Até o pior de todos eles, arrepender-se-á. Nesse arrepender, deve refletir se é para enganar o seu Pai que tudo vê ou seus irmãos que tudo sabem. Se é para enganar a si, ao seu ser, não crave o punhal no próprio peito. É duro sentir a dor, é fácil matar. É duro mais ainda, por mais duas vezes, quando se sente por si e por tudo que destruiu. Fica aqui um alerta para este terceiro grupo negativo: “Abram caminhos, queremos passar! Algo Maior deve chegar! Seja, pelo menos, neutros! Vale por duas partes de ajuda!”.
Atualmente, há um grande movimento de luz em toda humanidade, que busca o seu crescimento e a sua evolução. Ela busca o despertar, o reconhecimento de si mesma como espíritos em eterna evolução, procurando colaborar conscientemente com a realização do Plano Divino na Terra. Nesse grande plano de inspiração divina, nesse grande projeto cósmico e estelar, há sempre a ajuda do Alto, das Hierarquias Maiores Planetárias e extra-planetárias, terrestres e extraterrestres, humanas e angelicais. Todos participam dessa Grande Obra. É um movimento grandioso que envolve as Terras e os Céus.
Nessa nova era, os Mestres contatam a Terra mais vezes e estão interligados a nós e nós a eles, por afinidade de propósitos e por energias cromáticas-eletromagnéticas afins. Muitos deles, desceram à Terra para assumirem diferentes responsabilidades como homens terrenos e ajudarem no prosseguimento de um grande projeto. Todos, porém, obedecem um Comando Central Maior e seguem um rumo altamente controlado dentro das suas especialidades espaciais. Contam com a ajuda dos Anjos, Arcanjos, Elohins, e todos juntos preparam a vinda de um NOVO REI. Nosso PAI. Nosso novo DEUS que está em nós. Nós somos os novos FILHOS DO CRISTO. OS FILHOS DO SOL. Devemos acender em nosso interior a imensurável Luz Crisostelar que faz parte da Luz do Cristo Altíssimo, O FILHO PRIMEIRO, REI DE TODOS OS REIS, de Todas as Terras e de todos os Céus.
Falamos sobre o grande exército dos seus trabalhadores universais, ministros diretos do Cordeiro de Deus, hierarquicamente distribuídos nos espaços, o grande exército do Cristo. Eles haverão de banir e fechar as portas do mal para a Terra. Preparam o caminho, como João Batista preparou para Jesus. Se preparam um caminho tão imenso assim, calculem quem é este Cristo que vem a seguir. Pelos movimentos, podemos calcular quem é Ele. No passado, um homem anunciou o Messias. Os exércitos do Pai estavam em contato freqüente com Ele. Mas hoje, nesta era, não virá João e nem haverá um grito perdido no meio de um deserto. Vêm os exércitos. Eles são incontáveis, em número maior do que os grãos de areia de todas as praias. Se são nesta proporção incalculável, analisem: Quem é este Cristo que prometeu voltar?
O quão grande Ele é, não caberia na face da Terra. Mesmo que a Terra toda se unisse para eliminá-lo, não conseguiria. Mas Ele estará aqui, do tamanho que Ele é, atravessando a Terra e os ares. Ele não estará por sobre a Terra como simples homem, como viram no passado. Quem sabe a Terra, com todos os seus homens, estará na palma da Sua Mão. “Eu virei com as nuvens. Eu virei com os céus”.
ELE É O SENHOR DE TODO O SISTEMA!

Nenhum comentário:

Postar um comentário