domingo, 5 de fevereiro de 2017

Ostentação: Causa ou Efeito? Comportamento primata no seio da sociedade capitalista.

Tipico MC de funk ostentação, cercado de de aproveitadores e aproveitadoras
que só se interessam no mesmo, devido a suas posses. Uma demonstração das
relações vazias causadas inerentes ao sistema do capital.
Vivemos uma época bastante conturbada aqui no Brasil. Vários crimes tem sido cometidos em nome da "ostentação". No dicionário ostentação é "Ação ou efeito de ostentar; comportamento de quem exibe riquezas ou dotes; exibição de ações ou qualidades: ostentação de si próprio, ostentação de suas qualidades; comporta-se como se vivesse em constante ostentação". Ou seja, ostentar é exibir aquilo que você possui, e pode ser até mesmo alguma qualidade imaterial, como inteligencia. No entanto sabemos que isso não é o que acontece.

EFEITO OU CASA? 

Por vivemos em uma sociedade capitalista, onde o que temos em bens materiais, define a nosso status social, a ostentação é apenas um sintoma de uma doença muito maior. Os jovens já crescem em um sistema construído em torno do dinheiro e de aquisições, que os levam a terem comportamentos superficiais. A ostentação é causada pela cultura capitalista, assim como outros problemas que enfrentamos.

O real problema da ostentação está na perda de valores, que leva a uma vida vazia de sentido e extremamente artificial. As relações sociais são todas baseadas no acúmulo de bens, e em como você utiliza esses bens. Nesse processo, acabam se perdendo ideias básicos, como a realização pessoal através de boas ações com o próximo, ou o cultivo de qualidades imateriais, como inteligencia, compaixão e educação.

Podemos visualizar o problema da ostentação dentro de um cenário maior, já que esse fenômeno não está recluso ao Brasil. Em outras partes do mundo, jovens são levados ao consumo de bens materiais de marcas renomadas, devido a um estimulo social de consumir. Esse comportamento surge da falsa ideia, de que as marcas automaticamente nos concedem um "status superior" aos demais. Em propagandas e ações publicitárias os jovens são bombardeados por ideias de luxo, ostentação e acima de tudo a possibilidade de ascensão social.

RAZÕES NATURAIS?

Façamos aqui um exercício de logica.

  1. Seres humanos são animais.
  2. Por sermos animais, estamos sujeitos a nossa composição biológica.
  3. Nossa composição biológica coordena nosso comportamento.
  4. Logo o comportamento humano é predefinido, salvo exceções de comportamentos culturais.
  5. Somos primatas, grupo de mamíferos que vive em grupos sociais complexos.
  6. Toda sociedade primata é organizada em nível hierárquico, baseado no status biológico ou social.
  7. Nos seres humanos, somos entre os primatas os que vivem em maiores grupos, e esses grupos são extremamente hierarquizados.
  8. Logo existe uma tendencia natural do ser humano, de querer aceitação do grupo e principalmente de se tornar uma liderança no grupo, machos alfas ou fêmeas alfas.
Esse raciocínio nos leva a perceber que as tentativas de ascensão social são inerentes aos seres humanos, no entanto, o fenômeno da ostentação de bens materiais e uma causalidade cultural, criada no seio das sociedades capitalistas.



Para mudar isso seria necessária uma reeducação sistemática da população, que fizesse surgir novos valores que não fossem ligados ao consumo, mas, infelizmente esse parece um sonho distante. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário